Terça, 20 de agosto de 201920/8/2019
Erro ao processar!
Erro ao processar!
Parceiros Voluntários
EDUCAÇÃO E CULTURA
START-UP: A NOVA ECONOMIA DO EMPREGO
Você sabia, por exemplo, que cerca de 38% dos empregos novos estão sendo gerados em pequenas empresas, as chamadas start-ups?
Marcio Demari Florianópolis - SC
Postada em 01/08/2019 ás 11h09 - atualizada em 02/08/2019 ás 23h26
START-UP: A NOVA ECONOMIA DO EMPREGO

Jorge Penillo / Doutor Carreira

Resolvi trazer, no artigo desta semana, alguns dados mundiais sobre pessoas que trabalham em empresas de pequeno porte (de até 5 colaboradores) que abordei numa palestra que fiz recentemente sobre start-ups, assunto de conhecimento obrigatório para os atuais empreendedores. 


Você sabia, por exemplo, que cerca de 38% dos empregos novos estão sendo gerados em pequenas empresas, as chamadas start-ups?


Este é um dado muito relevante para o Brasil, ainda mais no momento ainda de crise econômica e desemprego alto em que estamos vivendo. Muitos empresários de médio porte migraram das redes de franquias para as start-ups e estão criando “clubes de investimento” para acertar nas apostas que darão certo. Infelizmente, o índice de mortalidade de uma empresa destas ainda é maior que as empresas de pequeno porte abertas no Brasil. Cerca de 25% delas morrem com tempo inferior ou igual a 1 ano, 50% com tempo inferior ou igual a 4 anos e 75% delas com tempo inferior ou igual a 13 anos (dados do Observatório Internacional do Sebrae).


Precisamos mitigar o risco de morte das start-ups e aumentar seu índice de sucesso, mas como fazer isso? Vale lembrar que empresas que começaram apenas com uma idéia se tornaram de grande porte - podemos citar exemplos de gigantes como Google e Netflix, por exemplo, além de muitas outras que nasceram com o conceito de start-up. Trata-se de um conceito não de criar um novo negócio, mas sim um novo modelo de negócio que seja escalável e traga alguma inovação em relação a toda cadeia produtiva e de distribuição. 


Na prática, considere que você é a menor empresa que existe através de uma start-up. Siga os próximos 5 passos para aumentar suas chances de sucesso em seu novo negócio:


1 – Identifique os problemas que você pretende que seu novo negócio resolva para seus futuros clientes (aqui é que se descobre qual é a idéia inovadora de negócio e para quem ela será ofertada).


2 – Elabore um plano para levantar o capital necessário para a abertura do novo negócio.


3 – Depois, estude o mercado e veja quem são seus concorrentes para conhecer com quem você irá brigar.


4 – Comece a desenhar o perfil dos profissionais que serão contratados para te ajudar neste novo negócio e vá atrás deles! O capital intelectual é fundamental para o sucesso de qualquer empresa!


5 – Por fim, formalize sua start-up.


E se você não sabe se já está preparado para criar sua start-upi, responda às perguntas abaixo:


- A solução que eu busco está ligada a qual propósito?


- Estou disposto a lutar por esta causa?


- Estou pronto para liderar esta jornada?


- Estou pronto para persuadir as pessoas com esta idéia?


- Essa idéia faz sentido?


Esta é a nova reinvenção do trabalho!O futuro é humano, mesmo com todas as start-ups que serão criadas – e os novos empregos surgirão nelas! Essa é a economia do futuro e a economia do novo emprego!


Curta nas redes sociais: 
Facebook - drcarreira4.0
Instagran – drcarreira4.0
Youtube – drcarreira
[email protected]


Sobre o Doutor Carreira


Jorge Penillo, conhecido como Doutor Carreira, é coach e mentor de liderança e carreira. Professor universitário e palestrante, tem formação em universidades do Brasil e Estados Unidos. É graduado em Administração de Empresas com pós-graduação em Marketing e Negócios e possui MBA em Estratégia Empresarial com especialização em Neurociências. Começou sua carreira profissional aos 14 anos de idade, em 1986, aos 14 anos na Eletropaulo como menor aprendiz, e permaneceu na empresa por 30 anos, passando por várias áreas técnicas e administrativas até 2016. É autor do livro Iniciando uma carreira brilhante, que tem o objetivo de orientar os jovens sobre como entrar no mercado de trabalho.

FONTE: Assessoria de imprensa
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
17.092