Segunda, 24 de fevereiro de 202024/2/2020
Erro ao processar!
Erro ao processar!
Parceiros Voluntários
POLÍTICA E GOVERNO
MJ Alves & Burle Advogados e Consultores: parceria de relações governamentais brasileira com ex-ministro das Relações Exteriores
A MJ Alves & Burle Advogados e Consultores, firma de relações governamentais de Brasília, celebrou parceria estratégica com uma boutique de soluções de litígios liderada por um ex-ministro do Supremo Tribunal Federal e procurador da república.
Marcio Demari Florianópolis - SC
Postada em 21/10/2017 ás 00h58
MJ Alves & Burle Advogados e Consultores: parceria de relações governamentais brasileira com ex-ministro das Relações Exteriores

MJ Alves & Burle Advogados e Consultores

A MJ Alves & Burle Advogados e Consultores, firma de relações governamentais de Brasília, celebrou parceria estratégica com uma boutique de soluções de litígios liderada por um ex-ministro do Supremo Tribunal Federal e procurador da república.

A parceria fortalece a oferta de "legal and non-legal" da MJ Alves & Burle.

A MJ Alves & Burle, criado por um time de advogados da Mattos Filho, da Veiga Filho, da Marrey Jr e Quiroga Advogados, no início do ano, assinou contrato com a Francisco Rezek Sociedade de Advogados de São Paulo no mês passado.

Francisco Rezek, de 74 anos, fundou o escritório com seis advogados em 2008. Anteriormente, trabalhou para o escritório brasileiro Advocacia Gandra Martins, especializada em questões constitucionais, tributárias, administrativas e de direito societário.

Antes de entrar em prática privada, Rezek passou dois anos como Ministro de Relações Exteriores, durante o tempo que liderou a criação do mercado comum do Mercosul, trabalhou como juiz da corte internacional de Haia e promotor público.

MJ Alvez & Burle pretende agregar a experiência jurídica anterior do Ministro para contribuir com as causas judiciais e tributárias. A experiência governamental de Rezek também fortalecerá o desenvolvimento dos serviços não jurídicos da MJ Alves & Burle, que incluem análise econômica e estratégica e lobby político. Ambas as empresas manterão operações separadas segundo o acordo, mas usam o escritório de cada um em suas respectivas cidades.

"É importante dizer que vamos permanecer como duas firmas de advocacia", explica Marcos Joaquim Gonçalves Alves, sócio-gerente da MJ Alvez & Burle. "Isso não é uma fusão. Trabalharemos juntos em casos selecionados e a parceria evoluirá naturalmente".

Por Joe Rowley / Latin Lawyer / Londres / Inglaterra
Tradução Michell Verdejo / Brasilia / Brasil


https://marcosjoaquim.com

FONTE: MJ Alves & Burle Advogados e Consultores
O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários

500 caracteres restantes

  • COMENTAR
    • Prove que você não é um robô:

imprimir
599